A batalha final – Episódio 6: Difícil Situação

We are testing a brand new User Interface, a new background and some other small changes on our PTRx3 gameworld! 🎨
📌 PTR is the acronym of Public Test Realm. PTRs are used to test patches before we release them to the public. Unlike standard game worlds, you’re one of the first people testing a new build which can often be unstable or otherwise non-functional. Accessing the PTR and reporting bugs is one of the biggest services you can provide ❤️

➡️ Join now ⬅️

✍️ ➡️ Give your feedback about the new User Interface
✍️ ➡️ Give your feedback about the new Backgrounds
  • Se alguém me pedisse para imaginar uma situação difícil, meu primeiro pensamento seria: Tu estás num carrinho com 2 mercenários hostis que te transportam não imaginas para onde, a tua cabeça está dentro de um saco plástico que te impede de respirar normalmente e estás tão bem amarrado que nem te consegues mexer.


    Estou com raiva de mim mesmo. De alguma forma, quando finalmente descobri forma de entrar no palácio, descobri o que fazer com o pergaminho que encontrei no porão, e de uma forma geral, como viver a minha vida, não esperava cometer uma falha tão infantil e prematura. Tudo parecia uma grande aventura, como aquelas que me contam sobre o meu bisavô Mark Atilus, um motorista de caravana e curandeiro. Nessas histórias, ele sempre encontrava maneiras de resolver todas as dificuldades que lhe apareciam, Até mesmo na sua jornada nas pirâmides Egipcias - que agora olho com outra perspectiva - parecia uma ótima caminhada. Quem se importa com as armadilhas mortais quando sabemos de antemão que se sai delas são e vitorioso?


    E no entanto, aqui estou eu, numa situação extremamente difícil e poucos ou nenhums condutores de caravanas prontos a me salvar.


    - Ele parece estar vivo - a repetentina voz de um Huno fez-me tremer e assim revelar aos mercenários que não estou apenas vivo, como consciente e ouvindo tudo à minha volta. Retiraram o saco da minha cabeça e de repente vi um Huno a olhar para mim.


    - É arriscado mantê-lo - respondeu o Egípcio. - Estou curioso para saber o que ele estava ele a fazer no palácio, e para que aliança andava ele a nos espiar, mas temos que lidar com ele aqui mesmo, antes que sejamos caços.


    - O nosso povo diz que o melhor espião é um espião inimigo morto - fiquei sem esperança ao ver um sorriso maquiavélico do huno. De repente, ele tira o seu facão da baínha.


    Senti um dor repentina no meu peito e morri. É assim desta maneir inglória que perco a minha última batalha.


    ***


    tub_hospital_forum.jpg



    Sendo uma pessoa cética durante toda e não muito longa minha vida, realmente não acreditava no outro mundo! Supreendemente, existe! As paredes limpas, a luz brilhante que entra por uma grande janela e uma cama muito confortável são uma clara evidência disso mesmo. No ar pairava um cheiro a ervas e alguns minérios desconhecidos. Entra agora uma linda deusa de meia idade presenteando-me com uma bebida quente numa caneca de barro e a sorrir. Foi o sorriso mais caloroso que já vi!


    - Irei dizer aos outros que já acordou - ela deu-me a bebida. - Por alguns instantes ficamos com medo de não o conseguirmos curar.

    - Curar-me? – Só agora que senti o curativo apertado à volta da minha mão esquerda e no meu peito é que percebi que este lugar é mesmo real. - Então, eu não estou morto e isto não é a vida eterna?


    - Não, embora tenha feito tudo para lá chegar. - ela riu-se de novo - Mesmo assim, é uma pessoa de muita sorte. Obviamente, que quem lhe fez isso não sabe o significado do nosso símbolo. Eles largaram o seu corpo ferido junto da nossa porta dos fundos. Mas nós aqui temos o curandeiro mais famoso do império, o que não é para estranhar, uma vez que ele foi discípulo do Mestre Mark Atilius.


    Senti um calor no meu coração. Mesmo passado meio século, o meu bisavô continuava, de alguma forma, a resolver situações difíceis.


    Tarefa: Resolve o puzzle lógico


    Numa determinada escola de medicina havia 2 curandeiros, um ensinava a arte da cura através das ervas, o outro ensinava a mesma arte mas com recurso aos minerais. Cada um deles tinha um determinado número de alunos. Um dia, um aluno do grupo "Erva" decidiu juntar-se ao grupo "Mineral" e, após o mesmo, os dois professores tinham o mesmo número de alunos. Semanas mais tarde, o mesmo aluno decide voltar ao seu professor anterior, e assim as coisas voltaram a ser como eram antes da troca. Passado algum tempo, outro estudante de "Mineral" decidiu juntar-se à classe de "Erva", e nesse momento o primeiro grupo tornou-se duas vezes maior que o segundo grupo. Quantos alunos estavam a aprender na faculdade de medicina?





    Falhaste os 5 primeiros episódios desta série? Vê aqui:

    1º episódio ver aqui

    2º episódio ver aqui

    3º episódio ver aqui

    4º episódio ver aqui

    5º episódio ver aqui

    jl_sig.png

    Post was edited 3 times, last by JL. ().

  • Informação Geral sobre evento:


    Data/Hora inicio: 09 Julho 2019 - 9:00 PT 5:00 BR
    Data/Hora final: 15 Julho 2019 - 9:00 PT 5:00 BR
    Anúncio vencedores: 16 Julho 2019
    Vencedores escolhidos: 6 vencedores aleatórios entre todas as respostas corretas
    Prémios: 50 Ouro x 6 vencedores
    Voucher válido em : Comunidade Busobrasileira
    Voucher válido até: 31 Dezembro 2020
    Para ser elegível, deves: OBRIGATORIAMENTE, deixar teu nick e servidor onde jogas. Apenas podes participar numa comunidade.



    Boa sorte

  • Nick: edsonmendz
    Servidor: lusobrasileiro TS4
    https://ts4.lusobrasileiro.travian.com/

    Este sistema matemático tem duas ambiguidades, "... outro estudante decidiu juntar-se à classe da Erva"... Isso faz pensar que é um aluno da classe de minérios que trocou de grupo, porque a palavra outro faz associação com o primeiro que trocou de grupo duas vezes, como se só existissem alunos nesse universo de Erva+Minério.
    A segunda ambiguidade é sobre "Quantos alunos estavam a aprender na faculdade de medicina?", porque a pergunta não informa se era antes ou depois do novo aluno chegar.

    Isso é um sistema onde Erva pode ser chamado de X, Minério de Y e todos de T.
    X+Y=T
    X-1=T/2
    Y+1=T/2
    Aqui sabemos que X tem dois integrantes a mais que Y

    X+1=2Y


    Então:
    2Y = Y + 3

    Y=3
    e
    X = 3 + 2
    X = 5

    Minha resposta é: A quantidade de alunos antes das trocas era 8, depois que chegou o último aluno, passaram a ser 9 alunos.

  • 1º:
    A classe erva possuía 5 alunos e a classe mineral possuía 3 alunos. Temos o total de 8 alunos na faculdade.


    2º:

    Aluno da Classe erva passa para a classe mineral e ambas as classes ficam com o mesmo número de alunos, 4 alunos.


    3º:

    Aluno da Classe mineral volta para a classe erva e assim voltam as coisas como eram antes da troca, erva com 5 alunos e mineral com 3 alunos.


    4º:

    Entra um aluno na classe erva. Classe erva fica com 6 alunos e a classe mineral fica com 3 alunos, então a classe erva, que é o primeiro grupo, fica com o dobro de alunos em relação a classe mineral, que é o segundo grupo.

    Com isso, temos 9 alunos a aprender na faculdade.

  • 1º:

    A classe erva possuía 5 alunos e a classe mineral possuía 3 alunos. Temos o total de 8 alunos na faculdade.



    2º:


    Aluno da Classe erva passa para a classe mineral e ambas as classes ficam com o mesmo número de alunos, 4 alunos.


    3º:

    Aluno da Classe mineral volta para a classe erva e assim voltam as coisas como eram antes da troca, erva com 5 alunos e mineral com 3 alunos.


    4º:

    Entra um aluno na classe erva. Classe erva fica com 6 alunos e a classe mineral fica com 3 alunos, então a classe erva, que é o primeiro grupo, fica com o dobro de alunos em relação a classe mineral, que é o segundo grupo.


    Com isso, temos 9 alunos a aprender na faculdade.


    ATILA THE BAN
    https://ts7.lusobrasileiro.travian.com/

  • 12 alunos.

    Erva 7 alunos
    Mineral 5 alunos

    Passou um aluno de erva pra mineral

    Erva 6 alunos
    Mineral 6 alunos

    Ele volta

    Erva 7 alunos
    Mineral 5 alunos


    Passou um aluno de mineral pra erva

    Erva 8 alunos
    Mineral 4 alunos

    Ou seja, 12 alunos.

  • Legionário

    ts1.